“Carece de ter coragem”

In memoriam de Faris Odeh, morto com apenas 13 anos, no dia 8 de novembro de 2000, por um sniper israelense

Sempre repetia minha madrinha.

 “O medo não é de Deus”

Olhos arregalados, completava ainda:

“O medo é a ausência de fé em Deus.

Falta de uma fortaleza interna.”

Mesmo que minha fé me abandonasse

Vez ou outra, quando conseguia

Reconhecer minha covardia, lembrava:

“O medo não é de Deus!”

Tememos muitas coisas.

“Hesito, logo existo”

É o bordão modernizado.

Por isso surpreende o gesto heroico.

Num átimo, o ser não duvida de nada.

Não duvida do que tem

de fazer imediatamente,

Mesmo que isso seja irracional

Mesmo que isso seja loucura

Porque naquele instante

Mesmo o mais vacilante

passa a ter certeza do que deve,

precisa e deseja fazer.

Ergue-se nele essa fortaleza.

De onde ela vem?

Nem sempre da fé em um Deus,

Mas simplesmente da fé;

Fé na mudança

Fé no fim da injustiça

Fé em si mesmo

Fé em poder mudar o mundo.

Mesmo que seja apenas um menino

e sua única arma uma ingênua pedra

diante de um tanque,

diante de toneladas de ferro,

diante  de incalculável ódio

E, finalmente, diante do medo.

Seu comentário será muito bem-vindo

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s