Olhos de Paisagem

Com seus cílios pinto

Uma paisagem atemporal,

estou me esvaindo por seus rios,

estou sendo arrastada

por sua correnteza,

Estou sucumbindo.

Sobre as árvores rostos observam curiosos

E impassíveis minha queda.

Nenhum ombro me ampara.

Pensam que flutuo na torrente,

Que, à superfície, se assemelha

A um lago plácido.

Mas,submerso, um turbilhão

retorce minhas entranhas.

Quem poderia me salvar de ser dragada

E impedir que eu seja afogada

em suas íris?

~ por Thaís de Godoy em 22 set 2012.

Seu comentário será muito bem-vindo

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: