Destaque

Leitura ostentação

Acabei de adquirir Crônica de um amor louco: ereções, ejaculações, exibicionismos – Parte I, do Bukowski. Exibicionismo é a cara da nossa era e não posso ficar de fora, então aí está. Não acredito que só agora resolvi ler sua obra. Vamos ver se é um livro “maldito” mesmo ou um maldito livro. É provável que seja as duas coisas. Já vou tomar um dramin antes, por via das dúvidas. Depois de ler, farei uma resenha, se alguém estiver interessado na obra do “Velho Safado”* ou na droga da minha opinião (já estou ficando com o jeitão dele).

*  Essa expressão maldosa não é minha, é como Bukowski ficou conhecido no meio literário.

Primeiro conto: A mulher mais linda da cidade

20171223_165325

 

Lealdade

Hoje, não a alguém

Ou a alguma coisa

Ou a palavra empenhada

Ou a documentos e papéis.

Contratos orais ou escritos.

Não a ideais

Nem aos princípios nem fins,

Só às sensações corporais,

Ao próprio bem-estar,

Ao gozo egoísta.

Um dia, talvez, ao encantamento,

Ao bater do coração.

Privar-se apenas do desamor,

do desafeto, do desumano.

Trair a ambição desmedida,

Trair a frieza e a maldade,

Trair a avareza de amor.

01-11-2012

Olhos de Paisagem

Com seus cílios pinto

Uma paisagem atemporal,

estou me esvaindo por seus rios,

estou sendo arrastada

por sua correnteza,

Estou sucumbindo.

Sobre as árvores rostos observam curiosos

E impassíveis minha queda.

Nenhum ombro me ampara.

Pensam que flutuo na torrente,

Que, à superfície, se assemelha

A um lago plácido.

Mas,submerso, um turbilhão

retorce minhas entranhas.

Quem poderia me salvar de ser dragada

E impedir que eu seja afogada

em suas íris?