Hélio Oiticica

PITANGA DIGITAL

helio-oiticica-filme

O documentário brasileiro “Hélio Oiticica”, dirigido pelo cineasta César Oiticica Filho (sobrinho de Hélio), foi premiado no 63º Festival de Berlim, pela Federação Internacional de Críticos de Cinema (Fipresci), na última sexta-feira (15), no Festival de Berlim.

O filme é uma das únicas maneiras de ver alguns dos trabalhos do artista plástico, pois várias de suas obras foram destruídas em 2009, durante um incêndio que atingiu a residência de seus familiares e o acervo de Hélio, localizado na mesma.

Helio Oiticica” foi exibido na seção Fórum do 63º Festival Internacional de Cinema de Berlim. O filme foi duplamente premiado no festival: ganhou, na última sexta-feira (15), além prêmio FIPRESCI, o prêmio Caligari, concedido pela revista alemã Film Dienst a obras inovadoras em termos de estilo e de temática, essa premiação é entregue aos filmes conhecidos como experimentais.

O longa contou com uma longa e detalhada pesquisa de imagens…

Ver o post original 42 mais palavras

Herman Gorter

Raras Ideias

Herman Gorter (Wormerveer, Países Baixos, 26 de novembro de 1864 — Bruxelas, 15 de setembro de 1927) foi um poeta e comunista conselhista holandês. Foi o membro principal dos Tachtigers, um influente grupo de escritores holandeses que trabalharam conjuntamente em Amesterdam na década de 1880 arredor do jornal literário De Nieuwe Gids (O novo guia). (Wikipedia)

Maio
Uma coisa é triste e causa lamento
Sempre em volta da terra, uma névoa inconstante
E leve envolve o corpo: é a alternância
Entre ser e não ser, e que cada elemento,
Alma e flor,leva até aquele reino,
Branco e silencioso e parecido com a morte.

Ver o post original