Os Homens Ocos – T.S. Eliot

Os Homens Ocos (T. S. Eliot) Nós somos os homens ocos Os homens empalhados Uns nos outros amparados O elmo cheio de nada. Ai de nós! Nossas vozes dessecadas, Quando juntos sussurramos, São quietas e inexpressas Como o vento na relva seca Ou pés de ratos sobre cacos Em nossa adega evaporada Fôrma sem forma, …

Continue lendo Os Homens Ocos – T.S. Eliot

A CANÇÃO DE AMOR DE J. ALFRED PRUFROCK

A CANÇÃO DE AMOR DE J. ALFRED PRUFROCK T. S. Eliot S'io credesse che mia risposta fosse A persona che mai tornasse al mondo, Questa fiamma staria senza piu scosse. Ma perciocche giammai di questo fondo Non torno vivo alcun, s'i'odo il vero, Senza tema d'infamia ti rispondo. Dante Alighieri. La divina Commedia Inferno, XXVII, 61-66 …

Continue lendo A CANÇÃO DE AMOR DE J. ALFRED PRUFROCK

“A Terra Desolada” de T.S. Eliot – tradução de Ivan Junqueira

1. O enterro dos mortos Abril é o mais cruel dos meses, germina Lilases da terra morta, mistura Memória e desejo, aviva Agônicas raízes com a chuva da primavera. O inverno nos agasalhava, envolvendo A terra em neve deslembrada, nutrindo Com secos tubérculos o que ainda restava de vida. O verão; nos surpreendeu, caindo do …

Continue lendo “A Terra Desolada” de T.S. Eliot – tradução de Ivan Junqueira

Ler poesia é mais útil para o cérebro que livros de autoajuda, dizem cientistas

John Donne, one of the most famous Metaphysical Poets. (Photo credit: Wikipedia) Elizabeth Barrett Browning - Project Gutenberg eText 16786 (Photo credit: Wikipedia) PUBLICADO NA FOLHA DE SÃO PAULO Ler autores clássicos, como Shakespeare, William Wordsworth e T.S. Eliot, estimula a mente e a poesia pode ser mais eficaz em tratamentos do que os livros …

Continue lendo Ler poesia é mais útil para o cérebro que livros de autoajuda, dizem cientistas